Google+ Followers

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Banco Mundial: ex-executiva denuncia elite global

Ex-executiva e jurista do Banco Mundial revela como uma pequena elite global domina o mundo através do sistema financeiro internacional
Karen Hudes é graduada da Yale University – Law School, e doutorada como Bacharel em Economia na University of Amsterdam, trabalhou no departamento jurídico do Banco Mundial durante 20 anos. Como uma ‘Top consultora jurídica’, ela tinha posição e tem informações suficientes para obter uma visão geral de como a elite (n.t. – sionistas, nazistas, bilderberg, illuminati, nobreza negra europeia, etc…) domina o mundo. 
Ex-executiva e jurista do Banco Mundial revela como uma pequena elite global domina o mundo através do sistema financeiro internacional
Assim, o que ela conta não é apenas mais uma teoria da conspiração, de algum maluco qualquer.
De acordo com essa especialista em direito internacional, citada por agências por expor a realidade, a elite tem usado um núcleo firme de instituições financeiras globais e grandes corporações para dominar o planeta. 
Citando um estudo suíço explosivo publicado em 2011 na revista Plos One sobre a existência de uma estrutura em rede de controle de grandes corporações e conglomerados transnacionais  que afeta a concorrência no mercado mundial e a estabilidade financeira global. 
Karen Hudes
Karen Hudes, ex-executiva do Banco Mundial revela em entrevista como a elite global controla o planeta através do sistema financeiro mundial.

O controle corporativo global dessa rede, afirmou Karen Hudes, que um pequeno grupo de empresas, instituições financeiras e na maior parte dos bancos centrais dos países chamados de primeiro mundo (membros do G-8), têm enorme influência na economia internacional através dos bastidores. 
“O que está realmente acontecendo é que os recursos do mundo estão sendo dominados por esse seleto e pequeno grupo”, disse a especialista com experiência de 20 anos dentro do Banco Mundial, acrescentando que eles são os “ladrões corruptos no poder”. Eles TAMBÉM dominam e controlam todos os principais meios de comunicação.
“Eles foram autorizados a fazê-lo”, disse ela. mencionado um estudo suíço sobre o assunto, que foi conduzido por uma equipe do Instituto Federal Suíço de Tecnologia de Zurique. Os pesquisadores estudaram a relação entre 37 milhões de empresas e investidores em todo o mundo e descobriram que há uma “super entidade” de apenas 147  empresas muito unidas e que detém o controle de 40% dessas megacorporações que controla  toda a economia mundial.  
Mas as elites globais não só controlam estas megacorporações. Segundo Hudes, eles também controlam e dominam organizações governamentais e assim, controlam as finanças de quase todas as nações do planeta. Estas organizações são o Banco Mundial, o FMI e os bancos centrais de todos os países, como o Federal Reserve dos EUA, que controlam toda a impressão de dinheiro dos EUA e também controlam a sua circulação internacional. 
Na área de ALIMENTOS o quadro é ainda MUITO PIOR, pois apenas DEZ (10) GRANDES EMPRESAS controlam o mercado GLOBAL.
Nos EUA, na produção e distribuição de notícias e entretenimento (TV e cinemas) SÃO APENAS SEIS (06) GRANDES GRUPOS QUE DETÊM O CONTROLE.
BIS – O “BANCO CENTRAL” dos bancos centrais
O ápice desse intrincado sistema é o Banco de Compensações Internacionais (BIS). O Banco central dos bancos centrais com sede na Suiça.”Uma organização internacional  imensamente poderosa de que a maioria nem sequer ouviu falar, mas que secretamente controla a emissão de moeda em todo o mundo. Essa organização se chama BIS [Banco de Compensações Internacionais], e é o banco central dos bancos centrais.
ganancia2
Localizado em Basileia, na Suíça, mas tem filiais em Hong Kong e Cidade do México. “É essencialmente um banco central do mundo financeiro, com imunidade completa de impostos e (…) sobre as leis internacionais. Hoje, 58 bancos centrais mundiais são pertencentes ao BIS, e tem muito mais poder na economia dos Estados Unidos (ou na economia de qualquer país) do que qualquer político, jurista ou governante.
A cada dois meses, os banqueiros centrais se reúnem em Basileia para “Reunião de Cúpula da Economia Mundial ‘. Durante essas reuniões, decisões que afetam cada homem, mulher e criança no planeta são feitas, e nenhum de nós tem uma palavra a dizer no que é decidido por essa elite. O Banco de Compensações Internacionais é uma organização que foi fundada pela elite global, que opera em benefício dos mesmos, cujo principal objetivo é ser um dos pilares do sistema financeiro global unificado que vai ser IMPLANTADO.”

A verdade é o único caminho. Colocar uma luz sobre esta situação, expô-los abertamente. Eles não gostam de estar no centro das atenções. Temos de criar transparência no setor bancário e em todos os níveis da sociedade humana.
 Segundo Hudes, a principal ferramenta para escravizar nações inteiras e governos é a DÍVIDA. “Eles querem que sejamos todos  e cada qual ser humano vivo no planeta, escravos de dívidas, querem ver todos os nossos governos e países escravos da dívida, e querem que todos os nossos políticos sejam viciados em contribuições financeiras gigantes que eles precisam canalizar para suas (seus bolsos,ops…) campanhas. 
Como essa elite também é dona de todas as grandes corporações de mídia do planeta, e assim controla a informação, eles nunca são revelar o segredo de que há algo,FUNDAMENTALMENTE errado com a maneira DE COMO o nosso sistema financeiro mundial funciona”, disse ela. 
“SE ME PERMITIREM IMPRIMIR E CONTROLAR O DINHEIRO DE UMA NAÇÃO, EU NÃO ME IMPORTO COM QUEM ESCREVE, COM QUEM FAZ ÀS SUAS LEIS. " Amschel Mayer Rothschild"

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com
Fonte - http://thoth3126.com.br/

44 anos depois incidente de Kecksburg, Pensilvânia, ainda intriga ufólogos

Desenho de Charles Hanna do objeto que pousou em Kecksburg em 9 de dezembro de 1965


Na noite de 9 de Dezembro de 1965 uma bola de fogo, aparentemente controlada, que depois se revelou como um objeto voador desconhecido com formato cilíndrico, ou de noz, segundo algumas testemunhas, caiu em uma area arborizada de Kecksburg, Pensilvânia, Estados Unidos.

Logo depois equipes de emergência chegaram no local. Segundo testemunhas oculares, poucas horas após o incidente militares isolaram a area da queda, e removeram o objeto para um lugar indeterminado em um caminhão plataforma coberto com uma lona.

Seria um meteorito? Uma aeronave secreta? nave espacial ou satélite soviético, ou até mesmo um artefato extraterrestre?

O que tenha ocorrido em Kecksburg, levou a uma ação judicial contra a NASA para o acesso a informação sobre o incidente.

A figura central do processo está em Nova York e é a jornalista investigativa, Leslie Kean, que Trabalhou com a Coligação para a Liberdade de Informações, que estava na ponta do recebimento de documentos como resultado de uma ação legal.

Esta fase da saga começou em 2002, quando Kean foi convidada para encabeçar um Freedom of Information Act (FOIA) iniciativa patrocinada pelo Sci Fi Channel - um esforço para adquirir os documentos do governo sobre o caso Kecksburg.

No ano seguinte, a Coligação foi a autora de uma ação federal, baseada no Freedom of Information Act, movida contra a NASA em Washington, DC.

"Depois de prometer procurar pelos arquivos relacionados ao caso Kecksburg, a NASA criou uma obstrução e reteve os documentos, não permitindo nenhum recurso", Kean explicou em um relatório recém divulgado.

"A resolução, quatro anos depois, em outubro de 2007, exigia que a NASA fornecesse centenas de novos documentos e que pagasse os honorários advocatícios."
A pesquisa resultante da NASA, monitorada pelo órgão, foi concluída em agosto de 2009. O resultado do inquérito está disponível no relatório de Kean e no site da Coligação na Internet.

O relatório, intitulado, "A Conclusão do processo legal da NASA - quanto à Kecksburg, PA, caso OVNI de 1965", explica o processo de trabalho e os resultados da pesquisa após a resolução 2007 em um tribunal federal.

A questão de fundo: Documentos importantes não foram liberados, mas muitas perguntas provocativas e contradições foram suscitadas por aquilo que foi recebido, bem como pelo fato de que muitos arquivos estavam faltando ou destruídos.

Um aspecto da reportagem de Kean é o papel do "Projeto Moon Dust" - um projeto do governo dos E.U.A. sobre a análise de objetos não espaciais nos E.U.A., ou objetos de origem desconhecida.

De fato, vários documentos do Departamento de Estado mostram que a NASA teve um papel na recuperação e análise de restos de objetos do espaço.
Depois de meses estudando o material recebido, Kean relata que a pista está fria - mas com ressalvas. "Estou convencida de que alguma coisa veio e pousou em Kecksburg", Kean disse ao SPACE.com.

Kean pensa que uma conexão OVNI extraterrestre "é uma possibilidade que tem de ser considerada. Não pode ser descartada", disse.

Outros potenciais, Kean acrescentou, "incluem um projeto muito secreto dos E.U.A. ou tecnologia de outra nação.

Mas ambas estas explicações são improváveis." A pesquisa indica que Kean parece duvidar que o objeto em questão era russo ou de qualquer outro país do nosso planeta - apoiada por informações sobre o lixo espacial da NASA.

Além disso, os dados do Comando Espacial americano e da Agência Espacial Russa fortalecem o fato de que o que caiu naquele dia não era um satélite ou sonda espacial russa, afirmou.

"Assim, gostaria de descartar essa possibilidade, e dizer que foi um OVNI ou um dispositivo secreto americano de algum tipo ", disse Kean. "Se fosse nosso", acrescentou ela, "porque não poderiam nos dizer sobre isso 40 anos depois?"

Portanto, é por isso que a possibilidade OVNI "tem que ser mantida, por mais difícil que seja aceitar ", disse Kean.

"Possivelmente ele era algum tipo de projeto secreto do governo dos E.U. A. ou o teste de alguma coisa. Talvez tenha sido altamente radioativo para que eles não queiram que ninguém saiba."

No entanto, um recado que Kean leva para casa não tem nenhuma ligação com visitas alienígenas- mais um encontro com a falta de transparência do governo.

O trabalho destaca os problemas inerentes à utilização do Freedom of Information Act, na democracia americana, explicou Kean.

"Tem sido um longo processo ", disse ela. "A coisa importante sobre isso não tem nada a ver com OVNIs. Apenas aponta os problemas com o Freedom of Information Act, tal como está hoje."

A ação contra a NASA só foi possível devido ao apoio de uma grande rede de televisão, disse Kean. Também contribuiram para a investigação, John Podesta - ex-Chefe de Pessoal do presidente Clinton - um grupo de pesquisa de arquivos, um advogado e uma empresa de relações públicas de Washington D.C.

Larry Landsman, então diretor de projetos especiais no Sci Fi Channel (agora SyFy), lançou a iniciativa legal sobre os OVNIS, com a ação judicial de Kecksburg como um componente dessa grande empreitada.

Ele agora é um produtor de televisão independente, trabalhando em vários especiais e minisséries.

"No início de 2002, nosso grupo começou a pensar seriamente que a iniciativa poderia ser lançada, que seria adequado ao espírito da rede," Landsman disse ao SPACE.com.

"Depois de muita reflexão, eu propus uma campanha para descobrir a verdade por trás de todos os muitos relatos de OVNIs e outros fenômenos inexplicáveis.

Fomos os primeiros - e até agora, a única empresa - que prosseguiu com esta iniciativa, e atacamos o problema em várias frentes, tanto no ar como fora do ar", disse ele.

Quanto a Kecksburg, Landsman continuou, "nós sentimos que era um caso que valia a pena investigar, e apoiar Kean para a Liberdade de Informação na busca dos relatórios completos e sem censura sobre o incidente".

"Há muitas vidas que foram afetadas a partir deste evento e os cidadãos americanos tiveram - e têm - o direito de saber a verdade.

É evidente que muitas coisas estão acontecendo em nosso mundo que não podem ser facilmente explicadas", disse Landsman.

"As pesquisas mostram que a maioria dos americanos acreditam que o governo está encobrindo informações sobre OVNIS.

A verdade não deve ser mantida somente nas mãos de poucos, nas várias agências governamentais e departamentos militares."

Para Stan Gordon, que investiga o que ocorreu em Kecksburg há muitos anos, o caso está longe de ser fechado.

"Meus sentimentos hoje em relação ao incidente de Kecksburg mantêm-se inalterados. Continuo convencido de que um objeto de origem ainda indeterminada caiu do céu em uma floresta perto de Kecksburg", disse Gordon.

Gordon disse ao SPACE.com que várias testemunhas independentes descreveram o objeto atravessando o céu.

Como ele virou-se, e se aproximou de Kecksburg, o objeto foi descrito como movendo-se e descendo lentamente, como se fizesse uma aterrissagem controlada.

"O objeto metálico semi-enterrado em forma de noz foi observado no solo por uma série de testemunhas independentes.

Seja lá o que foi o objeto, era importante o suficiente para os militares chegarem rapidamente ao local e recuperarem o objeto em questão", disse Gordon.

Gordon sugeriu uma teoria plausível, a de que o objeto era um dispositivo avançado e secreto feito pelo homem, vindo do espaço, com recursos de controle de reentrada, que aparentemente falharam.

Outra teoria é que isto poderia ter sido uma nave espacial extraterrestre, observou ele. "Até que se encontre uma prova definitiva para explicar o objeto, vou continuar a manter uma mente aberta para todas as teorias sobre a origem do objeto," Gordon concluiu.

Para Kean, mesmo após anos de trabalho tentando desvendar o incidente Kecksburg , "ele ainda é uma pergunta sem resposta."

TRADUÇÃO: CARLOS DE CASTRO
RETIRADO DO SITE: http://arquivosdoinsolito.blogspot.com.br/

FONTE: http://space.com/

sábado, 31 de maio de 2014

MISTERIOSO OVNI E FLAGRADO NO HAVAÍ E CAUSA ESPANTO EM TODO O PAÍS

Um estranho objeto, bastante luminoso e que se movimentava rapidamente, foi visto na última terça-feira por moradores do Havaí. O objeto voador não identificado deixou um rastro de luz, foi fotografado por várias pessoas, mas sua origem ainda é um mistério. De acordo com testemunhos, o fenômeno durou entre 10 e 15 minutos.

Diante da repercussão por conta da aparição do óvni, as Forças Armadas dos Estados Unidos também se manifestaram sobre o ocorrido. De acordo com um porta-voz, em entrevista a uma emissora de televisão, não foi realizado nenhum teste militar no momento em que as luzes foram avistadas, contudo, o governo afirmou que foi feito um teste de mísseis para avaliar a defesa do estado norte-americano.

Veja o vídeo da repercussão em um noticiário local


Ex-executiva do banco mundial afirma criaturas nao humanas controlam o mundo

Segundo Karen Hudes, uma ex-executiva do Banco Mundial, alienígenas de cabeça alongada e inteligência excepcional controlam o Vaticano e a economia mundial. Muitos conhecem a típica teoria conspiratória em torno do domínio extraterrestre sobre nosso planeta, mas quando esta ideia parte de uma pessoa prestigiada, que já ocupou um cargo de importância mundial, é de se esperar uma considerável repercussão. E foi justamente isso o que aconteceu após uma recente entrevista de Hudes, que está disponível no YouTube.
“Criaturas não humanas, de cabeça alongada e com QI 150, controlam o Vaticano e os bancos do de todo o mundo”, respondeu Hudes, sem hesitar, diante da pergunta do seu interlocutor sobre quem estaria controlando o mundo.
De acordo com sua declaração, esses seres estão no poder há muito tempo. “Não são da raça humana. Eles se chamam Homo Capensis. Estiveram na Terra, ao lado da humanidade, antes da Idade do Gelo”, disse a ex-executiva, calmamente. Para fundamentar sua ideia, ela citou o caso de alguns objetos encontrados com faraós egípcios, usados em suas cabeças, e os enigmáticos crânios peruanos.
O currículo de Hudes inclui um bacharelado em Direito pela Universidade de Yale e economia pela Universidade de Amsterdã. Ela trabalhou no Export-Import Bank dos Estados Unidos e, depois, no Departamento Jurídico do Banco Mundial, onde virou uma assessora de alto escalão.
Embora suas palavras soem absurdas para muitos, o fato é que elas fazem eco com o que defende o ex-ministro da Defesa do Canadá, Paul Hellyer, que afirmou, no ano passado, durante um congresso ufológico, que existem alienígenas trabalhando no governo norte-americano.
Assista abaixo aos vídeos:
Entrevista com Karen Hudes parte (1/2)



Entrevista com Karen Hudes parte (2/2)





domingo, 25 de maio de 2014

A contaminação perigosa em Vacinas Causam Afundamento nos lucros da Big Pharma

Sanofi Pasteur, maior fabricante mundial de vacinas, está atualmente enfrentando problemas sérios, como os países ao redor do mundo estão examinando produtos e práticas da Sanofi. Recentemente, eles relataram uma queda no terceiro trimestre de US $ 1,8 bilhões em vendas de vacinas. Esta notícia segue em um relatório do segundo trimestre anterior descrito por um site de investimento como "leitura muito feia", com a diminuição das vendas em todas as divisões, bem como uma perda de 28 por cento no lucro operacional. O grande declínio no lucro operacional e lucro da vacina fornece um indicador fácil que governos e indivíduos em todo o mundo estão se tornando suspeito de empresas farmacêuticas. No entanto, a notícia de que deve ser mais preocupante para os pais é a carta de advertência que a FDA deu a Sanofi. A FDA citou recentemente a Sanofi dezenas de preocupações com a produção de vacina, incluindo a presença de contaminação e molde.

As fichas de vacinas da FDA dadas aos pais antes ou depois de seu filho ser vacinado, reclamação geral de que a vacina é "segura". Você não vai encontrar qualquer uma dos seguintes e perturbadores exemplos factuais de contaminação da vacina generalizada e grande suborno pharma no pedaço de papel o seu médico lhe dá. Infelizmente, você provavelmente não vai aprender sobre a contaminação e corrupção no mundo das vacinas de profissionais de saúde do seu filho ou principais fontes de mídia. Leia para saber porque vocês precisam saber os problemas associados com a fabricação de vacinas e de marketing deve ser a "notícia shot" ouvida por todo o mundo.




O FDA informa a Sanofi para Mold e problemas de contaminação no Canadá

Em 2012, a FDA citou uma vacina Sanofi fábrica no Canadá ligada a inúmeros casos de contaminação. Em uma carta a seus acionistas, a empresa farmacêutica descartou a contaminação como uma "anomalia", em uma tentativa de explicar o seu declínio impressionante nos lucros da vacina. A contaminação causada uma escassez de vacinas da tosse convulsa, que são distribuídos nos Estados Unidos. As preocupações citadas pelos investigadores da FDA em sua carta de aviso aos funcionários da Sanofi incluiu o seguinte, apenas alguns das 58 citações:



"Você não conseguiu estabelecer a acurácia, sensibilidade, especificidade e reprodutibilidade dos métodos de ensaio utilizados por sua empresa." 
"Você não conseguiu assegurar um sistema adequado para o monitoramento das condições ambientais." 
"Você não conseguiu assegurar um sistema adequado de limpeza e desinfecção de áreas de processamento asséptico e equipamento." 
"Você não conseguiu manter edifícios em bom estado de conservação." 
"Você não conseguiu validar a eficácia dos desinfetantes utilizados na construção, onde o poliovírus vivo é cultivado, em condições reais de uso." 
"Suas investigações sobre a falha de um lote ou de qualquer dos seus componentes são inadequados".
Um porta-voz da Sanofi afirmou que a carta de advertência da FDA não estava relacionado com a recente contaminação que causou uma perda monumental em lucro para a empresa farmacêutica. No entanto, muitos dos 24 comentários feitos pela FDA na carta de advertência estavam de fato relacionados à presença de fungos e contaminação na fábrica, que tinha sido afetada por inundações. Esta investigação começou em agosto de 2010, durante uma inspeção de rotina na planta. Chris Viehbacher (graduado da Universidade Queens (Ontário - Canadá) e um contador público certificado. Desde dezembro de 2008, ele ocupou o cargo de Diretor Presidente, Sanofi e é um membro do Conselho de Administração, além de ser um membro do Comitê de Estratégia. Ele também é presidente da Genzyme, que a Sanofi adquiriu em fevereiro de 2011.) afirmou que o problema tinha sido resolvido. Em contraste com as palavras otimistas de Viehbacher, a carta da FDA provavelmente contribuiu para o fechamento de algumas operações da empresa, uma ação que deverá causar uma escassez de vacinas contra a tuberculose. Você acha que a contaminação na fábrica de Canadá foi um evento isolado, afetando vacinas de tosse convulsa apenas enviados para os EUA? Infelizmente, não. A história de contaminação tóxica em instalações Sanofi vãos entre os países ao redor do mundo. Preocupações sobre Sanofi Vacinas na Austrália. Se a queda de um milhão de dólares em lucros, bem como o encerramento da fábrica, foi verdadeiramente alheios a carta de advertência da FDA para a Sanofi, talvez estas falhas foram causadas por reguladores australianos, que contactaram a empresa big pharma com preocupações sobre a esterilidade de uma vacina contra a tuberculose, o que resultará em outra falta da vacina. Como Sanofi respondeu a essas preocupações muito sérias, trágicas? Quatro lotes da vacina contra a tuberculose foram retirados, e a produção foi interrompida em uma fábrica canadense. Sanofi oficial afirmou em um e-mail para ter "plena confiança nos produtos lançados a partir de suas instalações." Olivier Charmeil, o vice-presidente executivo da divisão de vacinas da empresa, também afirmou: "Eu tenho plena confiança em nossos produtos no mercado." A vacina contra a tuberculose administrado na Austrália não era o único Sanofi Vacinas que poderia causar problemas. Em 2010, o governo brasileiro incentivou o pais a vacinar seus filhos contra a gripe. No entanto, mais tarde instituiu uma proibição temporária de vacinas contra a gripe infantil. Por quê? Porque, logo após receber a vacina, as crianças desenvolveram convulsões, começaram a vomitar, e desenvolveram febre alta. Cada quatro crianças morrem no Japão após ter recebido Sanofi e Pfizer Vacinas Em 2011, conforme relatado pela News Natural e Reuters, quatro filhos no Japão morreram na sequência de vários jabs em uma visita com as vacinas feitas pela Pfizer e Sanofi. Três das crianças morreram dentro de um dia após receber as vacinas. O Ministério da Saúde suspendeu o uso de vacinas a partir dessas empresas. Poucos dias depois, a Sanofi lembrou 13 lotes de sua haemophilus influenza tipo b (Hib), após descobrir as seringas usadas para reconstituir a vacina com o diluente foram contaminadas. Apesar desta descoberta repugnante, o painel investigativo do governo japonês, liberou mais tarde Sanofi de qualquer irregularidade, afirmando que não havia nada de errado com as vacinas e as mortes não foram relacionadas. O complexo Chinês de investigações se concentram na Sanofi, problemas da Sanofi não estão relacionados exclusivamente a problemas de produção. Práticas de marketing também têm causado imensos problemas para o fabricante da vacina. Após uma longa, a investigação em curso, as autoridades chinesas acusaram Sanofi com suborno. Sanofi afirma que o pagamento de 280.000 dólares para os médicos eram, na verdade bolsas de investigação. Se Sanofi é considerado culpado dessas acusações, eles podem estar na lista negra do emergente mercado chinês e rentável ou forçados a baixar os preços dos produtos que eles vendem lá. A Sanofi afirma que sua empresa vai "continua confiante" sobre suas operações na China. Outra fonte afirma que, em 2007, os representantes da Sanofi subornou 503 médicos chineses com os pagamentos. Você pode prever a resposta da Sanofi? "Neste momento seria prematuro comentar sobre eventos que podem ter ocorrido em 2007", um porta-voz da empresa afirmou. Durante as recentes investigações do governo da China em relação às práticas abusivas por parte de empresas da Big Pharma, onde onze funcionários chineses visitaram um dos escritórios regionais da Sanofi em 29 de julho de 2013, mas o CEO da empresa, afirmou: "Nós não estamos realmente cientes do propósito da visita". Preocupações com contaminação adicional sobre Sanofi na França. Mesmo na França, base da Sanofi, a FDA está citando o gigante das vacinas para os problemas de contaminação. Em 2010, a FDA citou uma vacina da Sanofi fabricada na França por não ter "seguido os procedimentos destinados a prevenir a contaminação microbiana." Preocupações levantadas por investigadores da FDA girava em torno de vacinas contra a febre tifóide, as vacinas anti-rábica e vacinas haemophilus, inclusive porque algumas vacinas não cairão dentro dos limites de especificação durante o teste ou porque alguns lotes não atenderam às especificações. Talvez a FDA deu seu aviso mais sério para Sanofi - ou a Sanofi aviso é mais provável de atenção - quando eles disseram que iriam compartilhar essas informações com outros órgãos governamentais ", para que eles possam ter essa informação em conta quando se considera de adjudicação de contratos. " Conclusão: As empresas farmacêuticas como Sanofi Pasteur demonstraram uma falta de compromisso de seguir os procedimentos adequados para fabricação de vacinas (que já são quimicamente carregado com dezenas de substâncias perigosas) de uma forma livre de contaminação. 
 
 Seus representantes de vendas no mercado destes produtos nos mercados existentes e emergentes de forma anti-ética. Se esses produtos são realmente tão surpreendente e seguros, por que representantes de drogas tem que subornar os médicos a receitar a seus pacientes? Quando bilhões de dólares estão em jogo nas margens de lucro, você pode confiar em empresas farmacêuticas para manter a segurança e bem-estar do seu filho pela primeira vez em seu plano de negócios? Governos de vários países estão investigando a produção e comercialização de vacinas, mesmo proibindo alguns deles para distribuição entre seus cidadãos. Mesmo os governos da Austrália e do Japão, que instituíram proibições temporárias sobre as vacinas, não impediu o uso destas vacinas perigosas em tempo de salvar as crianças de ferimentos e morte. Entretanto, você não pode esperar que seus governos proibirão estas vacinas perigosas. Você deve pesquisar por si mesmo quais substâncias nocivas estão sendo injetado em seu filho. Para proteger seu filho, exorto-vos a ler dois documentos. O primeiro deles é a carta de advertência da FDA I mencionado anteriormente neste artigo, um documento do governo que você pode acessar aqui . Antes de optar por vacinar o seu filho, você deve estar ciente das dezenas de maneiras de como as vacinas são contaminadas durante a produção. Lembre-se, a vacina contra a coqueluche geralmente administrado a crianças em os EUA foi produzido em uma das plantas citadas na carta de advertência. As informações contidas na carta é preocupante, mas, como um pai, você deve educar-se antes de vacinar seu filho. seguida, exorto-vos a aprender mais sobre os ingredientes perigosos nas vacinas. Além de ter problemas com contaminação e mofo, vacinas contêm outras substâncias, a maioria dos pais não gostaria de injetar intencionalmente em seu filho: de soro fetal bovino, polisorbatos, mercúrio, cloreto de sódio, formaldeído, e muitas outras substâncias que você não iria permitir que seu filho comer, lamber ou mesmo tocar. Para proteger seu filho de ser injetado com estes ingredientes tóxicos, baixar os nossos recursos livres artigo apareceu pela primeira vez em VacTruth



NASA grava vídeo do Sol e descobre uma mancha negra gigante em sua superficie



Um estranho buraco de cor preta, e em forma de quadrado, foi descoberto pelo Solar Dynamics Observatory (SDO) da NASA sobre a corona do Sol.
De acordo com especialistas, trata-se de um buraco coronal, ou seja, uma região do Sol onde o vento solar é ejetado para o espaço em alta velocidade.
Imagens feitas com luz ultravioleta fazem o quadrado parecer escuro porque nessa área a temperatura e densidade do plasma é muito baixa. Isso quer dizer que não existe material suficiente para emitir gama ultravioleta, esclarece um comunicado da NASA.
Dentro do quadrado negro pode-se observar uma série de pequenos pontos brilhantes, o que corresponde ao local onde a ejeção de plasma quente para o espaço ocorre. O quadrado está localizado na região sul do Sol, portanto, a possibilidade de afetar a Terra é praticamente nula.

(reportagem tirada do site 
"http://noticias.seuhistory.com/nasa-grava-video-do-sol-e-
descobre-uma-mancha-negra-gigante-em-sua-superficie".
video retirado do "youtube")

quarta-feira, 16 de abril de 2014

continuação de "A NOVA ORDEM MUNDIAL"

O ANTICRISTO

Claro que a chegada de alguém que possa unificar as nações é vista sob o ponto de vista religioso. E até já há um personagem pronto para isso: a eterna e fluídica figura do anticristo. Ele deverá, segundo algumas fontes conspirólogas, mudar o pensamento das pessoas para que possam participar de projetos antes inconcebíveis pelo ponto de vista ético. Vamos ver o exemplo abaixo, um trecho retirado do site A Espada do Espírito, claramente de inspiração evangélica:
  "O plano das seis etapas para a mudança do comportamento oferece aos planejadores da Nova ordem Mundial a capacidade de silenciosa e quase invisivelmente modificar as atitudes e o sistema de valores de toda a sociedade. Eles precisam disso para colocar em cena o Anticristo. Você achará difícil acreditar em quanto sua vida diária está sendo manipulada, mas após compreender como isto está sendo realizado, poderá tomar as medidas para reduzir ou eliminar os efeitos. Aprenda a proteger as pessoas a quem ama".
 E como seriam essas seis etapas? O site responde da seguinte forma:
   "Plano das Seis Etapas Para a Mudança do Comportamento:
 Etapa 1. Alguma prática tão ofensiva que nem deveria ser discutida em público é defendida por um especialista RESPEITADO em um foro RESPEITÁVEL;
 Etapa 2. A princípio, o público fica chocado, depois indignado;
 Etapa 3. No entanto, o SIMPLES FATO de que tal coisa tenha sido debatida publicamente, torna-se o ASSUNTO do debate;
 Etapa 4. No processo, a repetição prolongada do assunto chocante em discussão gradualmente vai anulando seu efeito;
 Etapa 5. As pessoas não ficam mais chocadas com o assunto;
 Etapa 6. Não mais indignadas, as pessoas começam a debater posições para moderar o extremo, ou aceitam a premissa, procurando os modos de ATINGI-LA.
   Este método insidioso de modificar o comportamento profundamente arraigado das pessoas está sendo direcionado com sucesso em todo o mundo ocidental. Milhões de pessoas estão experimentando mudanças de comportamento em uma ampla variedade de assuntos. Essa mudança de comportamento é essencial para alcançar a Nova Ordem Mundial. Fixando na sua mente o modo como esse plano funciona nos corações e nas mentes de todos os cidadãos, vamos revisar alguns dos muitos modos em que está sendo usado para mudar os sistemas de valores do Ocidente de cristão para pagão".

Veja, montado no primeiro cavalo, que aparece mais ao longe, e a primeira forma, e assim que o anticristo voltara, e crescera gradativamente ate tomar a forma de um rei, veja no montado no ultimo cavalo, em que o cavaleiro esta equipado com arco e flecha e usando uma coroa. Esta sera a ultima forma, a mais forte, considerado como um Rei na terra pelos maçons e Illuminatis.

A NOVA ORDEM MUNDIAL

O PRINCIPAL CONCEITO DOS ILLUMINATI É A UNIFICAÇÃO DOS PAÍSES EM TORNO DE UM MESMO GOVERNO. E, MESMO NA ECONOMIA MODERNA, AQUELES QUE ADOTAM ESSE CONCEITO SÃO VISTOS COM SUSPEITA.
    ESTRELA DO PRIMEIRO LIVRO DE DAN BROWN, O MESMO ROMANCE QUE APRESENTOU ROBERT LANGDON AO MUNDO, A ORDEM ILLUMINATI SEMPRE ESTEVE PRESENTE NO IMAGINÁRIO. DESDE A SUA CRIAÇÃO. Porém, como quase tudo que envolve as seitas secretas, houve uma grande difusão de várias origens e que, para o leigo, tornou ainda mais difícil saber com exatidão como nasceu tal grupo.
   Bem, na verdade, um dos trabalhos mais difíceis é demonstrar que são de fato um grupo. Pelo menos no que tange às versões mais ligadas às teorias de conspiração. Um exemplo disso foi o recente filme A Lenda do Tesouro Perdido, da Disney, que mostrou Nicolas Cage em busca de um supertesouro que pertenceria à maçonaria. Porém, o símbolo que mais aparece durante o filme não é o conjunto esquadro-compasso, mas sim a pirâmide com o olho que tudo vê, um símbolo mais ligado aos Illuminati e que, realmente, se vê na maioria das notas que compõem o dinheiro norte-americano.
   Porém, não sabemos exatamente onde procurar mais detalhes sobre os conceitos deste grupo, ainda mais sobre a frase de ordem dele, que é estabelecer a chamada Nova Ordem Mundial. O que seria exatamente isto? Os conspirólogos já tentaram explicar isso sob os pontos de vista mais diversos possíveis, do econômico ao histórico, sem conseguirem chegar a uma conclusão precisa sobre o assunto. Até mesmo a criação de mercados comuns, como a União Europeia ou o Mercosul. já foram chamados de "planos da Nova Ordem Mundial".
   Para aqueles que desejam saber em detalhes do que se trata esse conceito, é necessário fazermos uma recordação sobre o que exatamente vem a ser a NOM, como é mais conhecida nos meios conspiratórios, fala sempre sobre um grupo poderoso (na maioria das vezes os Illuminati, mas pode variar para os judeus, os maçons, os comunistas, os três ao mesmo tempo ou outro grupo qualquer) que age nas sombras, preparando-se para adquirir o controle total do mundo. Essa "ordem" visaria derrubar governos do mundo todo e erradicar as religiões e crenças diversas espalhadas entre os vários países do mundo. Uma vez que todos respondessem a um mesmo governante adotassem uma moeda e uma religião também universais, seria tarde demais, pois as "forças das trevas" já teriam dominado o coração e a mente das pessoas, por meio de mensagens subliminares, aplicação de tecnologia que as deixaria dependentes e utilização de recursos que as colocaria sob lavagem cerebral, como aplicação de chips de controle da mente ou vacinas para fazer a imunidade do corpo humano cair e, assim, torná-lo mais suscetível às novas doenças desenvolvidas como aramas biológicas em laboratórios (coisas que já estão sendo colocadas em pratica, como por exemplo o MONDEX e a vacina para a H1N1).
   A versão mais conhecida sobre a origem da NOM é a de que seria um plano concebido por Adam Weishaupt, fundador dos Illuminati da Baviera. Muitos conspirólogos acreditam que o plano original ainda exista e que seus adeptos devem prosseguir seu intento. Como exemplo, citam o processo de globalização pelo qual passa o mundo moderno.
   Um bom lugar para iniciar um contato Illuminati é mesmo a internet. Uma busca no Google logo aponta para um site que intitula como sendo "da Ordem" no Brasil. Mas pelo próprio endereço (www.grandorient.org) percebe-se que este grupo, pelo menos, apresenta uma aproximação com a maçonaria. Alguns textos na página parecem indicar que tudo é apenas uma fachada e que os membros possuem sua própria identidade, embora os conceitos mais usados, como a definição da "Nova Ordem Mundial", estejam todos lá. Os capítulos desta Ordem já incluem as seguintes cidades brasileiras: Rio de Janeiro, capital; São Paulo, capital; Caçapava, São Paulo; Porto Alegre, Rio Grande do Sul; Belo Horizonte, Minas Gerais; Brasília, Distrito Federal; e Florianópolis, Santa Catarina.
   Um dos textos de referência utilizados fala que uma figura política e histórica que teria sentido na pele "a força iluminada" foi Jânio Quadros. Quando de sua renúncia a famosa frase onde afirmava que renunciava "por não aguentar o peso das 'forças terríveis'" faria referência direta à atuação de representantes da Ordem. Porém, como se sabe, Jânio era maçom, o que leva diretamente ao vínculo entre as Ordens. Em outra passagem de um outro texto, cita-se a formação de capítulos Illuminati a partir de 1985 (embora não esclareça onde eles se localizariam), que ficaram conhecidos com o nome de Os Aquisitores. Pela descrição de como seriam esses núcleos, pareciam mais lojas maçônicas do que grupos Illuminati.



Repare a piramide com o olho que tudo vê estampada na nota de 1 dollar,
nela esta escrito "ANNUIT COEPTIS" que significa "O ANO COMEÇOU"
e também "NOVUS ORDO SECLORUM" que significa "NOVA ORDEM MUNDIAL"
e todos os dois escritos em Latim.

sábado, 1 de fevereiro de 2014

CRIAÇÃO DE DOENÇAS

SEMPRE QUE TEM UMA NOVA MOLÉSTIA APARECE DO NADA, SURGE A SUGESTÃO DE QUE ELA JÁ EXISTIA ANTES EM LABORATÓRIO. SERÁ ISSO VERDADE OU FRUTO DA IMAGINAÇÃO DE MUITOS CONSPIRÓLOGOS.
É ESTRANHO PENSAR QUE OS GOVERNOS DO MUNDO PODEM, NESTE EXATO MOMENTO, ESTAR GASTANDO O DINHEIRO QUE RECOLHE DE SEUS CONTRIBUINTES PARA DESENVOLVER DOENÇAS TÃO ESPECÍFICAS QUE SOMENTE PODERIAM SER UTILIZADAS COMO ARMAS BIOLÓGICAS. Ou mesmo preservar alguns vírus de doenças antigas, que supostamente estariam erradicadas, para usá-las com esse mesmo propósito. Um exemplo? O vírus da variola, que hoje tem apenas duas amostras conhecidas, uma em solo norte-americano e outra num laboratório russo.
    À primeira vista, tudo pode parecer um tanto exagerado. Mas vamos ver um trecho de uma notícia publicada na revista Época, em 2002, que fala sobre uma visita da OMS, que foi até a Rússia justamente para inspecionar as condições de preservação desse vírus mortal:
"Uma equipe de especialista de biossegurança das Nações Unidas anunciou nesta sexta -feira ter realizado uma inspeção no Centro de Pesquisa de Virologia e Biotecnologia da Rússia (Vector, na sigla em russo), um dos únicos laboratórios a guardar o vírus da varíola. De acordo com os especialistas, foi verificado que o vírus é guardado em segurança no centro, localizado na cidade de Koltsovos, na região de Novosibirsk, Centro-Sul do país. 'A equipe concluiu que o centro pode ser usado com segurança para trabalhar com o vírus da varíola, uma vez que todas as medidas de segurança são respeitadas', informou um comunicado oficial da Organização Mundial da Saúde (OMS). Os especialistas se disseram impressionados com a preparação dos funcionários do laboratório. No momento, o centro está passando por renovações e será inspecionado novamente quando o processo for concluído. Vector é um dos laboratórios que trabalha em cooperação com a OMS. Além dele, apenas o laboratório do Centro de Prevenção e Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, localizado em Atlanta, tem o vírus da varíola estocado".
    Para que não acredita na utilização do vírus como arma, vale lembrar que ele é transmitido pelo ar e mata 30% das pessoas infectadas. A erradicação da doença foi confirmada em 1980, o que deixa a atual população do mundo sem anticorpos naturais e sujeita a uma súbita epidemia. A mesma noticia fala que os dois vírus deveriam ter sido destruídos no começo daquele ano, mas acabaram não sendo, por medo de que outros países tenham amostras ilegais e que possam usá-las para fazer guerra biológica.

DOENÇAS E DINHEIRO
    É claro que o medo não para por aqui. Os conspirólogos acreditam que a comunidade médica pode deter mais poder do que se imagina e criar doenças que supostamente não possuem cura. Dentre elas, claro, estariam o Câncer e a AIDs. Eles esconderiam a cura como forma para obter mais dinheiro do governo e dos investidores, bem como dos próprios afetados. Os custos do tratamento a longo prazo são bem mais elevados do que para qualquer tratamento a curto prazo. Há ainda os adeptos de que a criação de doenças é uma manipulação das indústrias farmacêuticas interessadas em manter seu negócio como uma verdadeira fonte de renda, o que supostamente explicaria doenças como o ADD (Distúrbio de Défict de Atenção) e o HPV, o papilomavírus humano, uma doença sexualmente transmissível que se manifesta por meio de sintomas como verrugas na região intima apos o contato intimo. Seu tratamento é feito com o uso de medicamentos e cirurgias de cauterização e dura em média dois anos, embora os sintomas desapareçam um pouco antes.
    A AIDs é uma doença que traz em si muitas versões diferentes de conspirações. Alguns dizem que se trata de algo sintético, enquanto outros afirmam que foi criado por um grupo conspiratório (que vai dos Illuminati ao Clube Bilderberg) ou por uma agência secreta (do tipo CIA ou KGB) como ferramenta de genocídio ou controle populacional. O mesmo chegou a ser cogitado para o vírus do Ebola, inclusive pelo fato de ambos terem surgido quase ao mesmo tempo no continente africano, com pouco espaço de tempo entre si.
    Há quem diga que esses dois vírus são, na verdade, uma experiência de guerra biológica ou psicológica, criada por uma superpotência (em geral Estados Unidos ou Rússia) e que teria escapado sem querer para a população africana, que, segundo os conspirólogos, ninguém daria pela falta. Há ainda uma outra teoria que fala que o HIV seria baseado no estudo da sífilis não tratada de Tuskegee. Para quem não conhece esse estudo: foi um ensaio clínico levado a cabo pelo Serviço Público de Saúde dos Estados Unidos (SPS) em Tuskegee, Alabama, entre 1932 e 1972, no qual 399 sifilíticos afro-americanos pobres e analfabetos, e mais 201 indivíduos saudáveis para comparação, foram usados como cobaias na observação da progressão natural da sífilis, sem medicamentos. O governo norte-americano teria negado tratamento para pacientes negros e infectados de propósito, para ver até onde iam os efeitos de sua arma biológica.
    Ainda sobre a AIDs, tem-se falado muito sobre o papel da CIA em sua propagação entre afro-americanos e homossexuais, durante os anos 1970, por meio de vacinas contaminadas por hepatite. Há de fato grupos como o New Black Panther Parry e a Nation of Islam de Louis Farrakhan que afirmam ter sido parte de um plano para destruir a raça negra ou, ainda, que o vírus foi administrado na África como uma forma de aleijar o desenvovimento do continente.


O HPV, papilomavírus humano, uma doença sexualmente transmissível que se manifesta por meio de sintomas como verrugas na região intima após o contato íntimo. Seu tratamento é feito com o uso de medicamentos e cirurgias de cauterização e dura em média dois anos, embora os sintomas desapareçam um pouco antes.


FLUORETAÇÃO DA ÁGUA
Se você, leitor, acha que criar doenças nessa base é algo terrível, que tal ser vitima de água com flúor? Explica-se: seria um processo no qual mais flúor é adicionado ao já existente no líquido que ingerimos para reduzir a cárie dentária.
Desde o começo dos anos 1950, tem havido, principalmente nos Estados Unidos, um combate ao aumento dessa substância. Porém as coisas andaram saindo do controle e hoje se fala em teorias de conspiração para que isso volte com toda força. Isso, claro, seria parte da Nova Ordem Mundial, de uma trama comunista, de uma manipulação fascista ou mesmo dos eternos Illuminati, que querem assim dominar o mundo. Outras explicações para o uso do flúor incluem um ato do complexo militar-industrial para proteger o programa de armas atômica de litígios e a iniciativa de uma empresa química alemã para tornar as pessoas submissas aos detentores de verdadeiro poder, fossem quem fossem.


ECHELON E CARNIVORE

HÁ ALGUM TEMPO, UM DOS PROJETOS DE SEGURANÇA MÁXIMA, LIDERADO PELA NSA E OUTRAS AGÊNCIAS GOVERNAMENTAIS MUNDIAIS, FOI APRESENTADO COMO AMEAÇA À LIBERDADE DE EXPRESSÃO.

    A AMEAÇA FOI BATIZADA DE ECHELON (QUE EM INGLÊS SIGNIFICA ESCALÃO, POSIÇÃO NA HIERARQUIA MILITAR), ESSE SISTEMA É A MAIOR REDE DE ESPIONAGEM ELETRÔNICA DA HISTÓRIA, COMANDADA POR UM GRUPO DE PAÍSES LIDERADOS PELOS ESTADOS UNIDOS E QUE INCLUI REINO UNIDO, CANADÁ, AUSTRÁLIA E NOVA ZELÂNDIA. Por meio dele é possível capturar chamadas telefônicas, faxes e e-mails ao redor do mundo. Estima-se que o Echelon capture cerca de 3 bilhões de comunicações diariamente.
    O Echelon foi criado inicialmente para monitorar as comunicações militares e diplomáticas da ex-União Soviética e de seus aliados do leste. Hoje, o sistema varre o mundo atrás de dicas de planos terroristas, de traficantes de drogas e outros serviços para a inteligência de vários lugares. Alguns críticos afirmam que serviços não divulgados incluem o furto comercial e a invasão de privacidade em grande escala.
    Vária fontes que analisam a eficiência do Echelon insistem em dizer que há estações que interceptam sinais e satélites que capturam comunicações realizadas por rádio, satélite, microondas, celulares e cabos de fibra ótica. Esses sinais capturados seriam então processados por meio de uma série de supercomputadores, conhecidos como dicionários, que são programados para buscar em cada comunicação frases, palavras e endereços específico, podendo mesmo identificar vozes individuais.
     Outro programa que gerou muita controvérsia quando surgiu pela primeira vez foi o Carnivore. Tencionava dar acesso às agências governamentais a e-mails enviados e recebidos de suspeitos de serem terroristas. Foi desenvolvido pelo FBI por volta de 1997 e lembrava, em todos os aspectos, a sombria realidade retratada por George Oruell em sua obra 1984.
    Em janeiro de 2005, soube-se que o Carnivore foi abandonado por seu criador em troca da adoção de um software comercial de escuta, que promete ser um dos mais influentes no mundo digital. O Carnivore foi a terceira geração de programas online de detecção usados pelo FBI. Embora a informação colhida pela primeira versão nunca tenha sido revelada, muitos acreditavam na eficácia de outros programas, como o Etherpeek, disponível comercialmente.
    Foi apenas em 1997 que o FBI colocou em prática a segunda geração do programa, chamada Omnivore. Este simples programa olhava o caminho de um e-mail num provedor específico de internet e capturava-o num drive de fita ou o imprimia em tempo real. O Omnivore foi retirado do mercado de um sistema para favorecer a entrada no mercado de um sistema mais completo, chamado DragonWare Suite, que permitia reconstruir e-mails, baixar arquivos ou páginas inteiros. O Carnivore era parte do Dragon Ware, baseado no sistema Windows NT/2000.